Cultura e produção nos territórios

O décimo quarto encontro articulado pelo ciclo Ato Criador, no Oi Futuro Flamengo, convida a todos para uma discussão sobre arte e cultura a partir do trabalho de produção cultural desenvolvido por profissionais de diferentes estados do Brasil. A gestora cultural Eliane Costa, o arquiteto/urbanista e coordenador do Laboratório de Ações Culturais (LABAC/UFF) Luiz Augusto Rodrigues, Camerindo Neto, fundador do Coletivo Tururu, Givanildo Santos, fundador do projeto Pescando Memórias e o coordenador do Observatório de favelas Jorge Barbosa participam do debate na próxima terça-feira (22/9), às 18h30min. A reflexão que vai girar em torno da produção realizada na diversidade territorial do país, contará com a participação de consultores, pesquisadores, professores universitários e realizadores de projetos extremamente originais que se empenham, dentro e fora de suas comunidades, para preservar a identidade cultural de nosso povo.

Luiz Augusto Rodrigues – É arquiteto/urbanista e doutor em História Social pela Universidade Federal Fluminense. Professor Titular do Departamento de Arte da UFF, atuando na graduação em Produção Cultural e na pós-graduação em Cultura e Territorialidades. Coordena o Laboratório de Ações Culturais -LABAC/UFF e é um dos editores de PragMATIZES – Revista Latino-Americana de Estudos em Cultura. É autor e organizador dos livros de diversos livros, entre eles “ O lugar da cultura. A cultura do lugar”(Ed. PragMATIZES) .

Jorge Barbosa – Professor associado do Departamento de Geografia, Coordenador do Programa de Pós-graduação em Geografia da Universidade Federal Fluminense e Coordenador Geral do Observatório de Favelas. É autor e organizador de diversas publicações.

Eliane Costa – Pesquisadora, consultora e professora nos campos da Gestão Cultural e desdobramentos. Mestra pela FGV-Rio, onde coordena o MBA “Bens culturais: cultura, economia e gestão”. De 2003 a 2012, foi Gerente de Patrocínios da Petrobras. É autora do livro Jangada Digital (Ed. Azougue, 2011) e organizadora da coletânea De baixo para cima (Ed. Aeroplano, 2014) sobre cultura, tecnologia e inovação cidadã.

Givanildo Santana – Nativo do Povoado São Braz em Nossa Senhora do Socorro – Sergipe. Atua como aquicultor no cultivo de camarões. Idealizou o Projeto Pescando Memórias e desenvolve ações para preservar a Identidade Cultural da sua comunidade ribeirinha. Já atuou como professor de capoeira e faz parte do Ponto de Cultura Piabinhas de Sergipe. Cultura e Meio Ambiente são as bases de seu trabalho.

Carmerindo João de Lira Neto – Assistente social, educador social e agitador cultural, é um dos fundadores do Coletivo Força Tururu que atua na formação de jovens por meio da comunicação popular e comunitária no bairro do Tururu, em Paulista (PE), região metropolitana do Recife. Criado em 2008, o coletivo produz um fanzine bimestral, o Articulatu Tururu, que retrata pontos positivos da comunidade, denuncia os problemas e propõe pautas para debates na comunidade.

SERVIÇO:
CICLO O ATOR CRIADOR – 5ª edição
Cultura e produção nos territórios – com as presenças de Jorge Barbosa, Givanildo Santana, Luiz Augusto Rodrigues, Eliane Costa e Carmerindo João de Lira Neto.
22 de setembro, terça-feira, 18h30
Oi Futuro – R. Dois de Dezembro, 63 – Flamengo, Rio.
Entrada gratuita – retirada de senhas meia hora antes do evento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s