Ato criador: tradição e contemporaneidade

O quarto encontro do ciclo Ato Criador promove uma reflexão sobre tradição e contemporaneidade, olhando esse binômio a partir do teatro e da cultura ativa. O encontro será conduzido por Mario Biagini, diretor associado doWorkcenter of Jerzy Grotowski and Thomas Richards, centro fundado na Itália, por Jerzy Grotowski, em 1986. A mediação será feita por Tatiana Motta Lima, professora de atuação da UNIRIO e autora do livro “Palavras Praticadas: o percurso artístico de Jerzy Grotowski”. O evento aconteceno dia 02 de junho, terça-feira, no Oi Flamengo, Rio, às 19:30h.

Mario Biagini tem contribuído, por mais de 20 anos, com as pesquisas relacionadas à “Arte como Veículo”. Além disso, desde o início, assumiu responsabilidades criativas e pedagógicas que, a partir de 1987, o levaram a liderar uma equipe de trabalho no Workcenter, na qual atuou como diretor e ator principal. Em 2007, Biagini fundou o Open Program, cujo impulso investigativo está ligado à exploração de obras que, abertas à participação do público, mantenham vivas os aspectos característicos do processo sutil e interior das pesquisas da “Arte como Veículo”. Tatiana Motta Lima é atriz, pesquisadora e professora adjunta do Departamento de Interpretação e da Pós Graduação em Artes Cênicas da UNIRIO. É autora do livro “Palavras Praticadas: o percurso artístico de Jerzy Grotowski”e tem acompanhado,desde de 1996, em diversos países (Itália,Rússia,França e Brasil), o trabalho prático do Workcenter.

O Workcenter, com sede em Pontedera, Itália, foi fundado em 1986 pelo diretor polonês Jerzy Grotowski, a convite do Centro per la Sperimentazione e la Ricerca Teatrale. Neste espaço, Grotowski, um dos mais influentes artistas da história do teatro, iniciou e desenvolveu, até sua morte em 1999, a última fase de suas pesquisas criativas, chamada “Arte como Veículo”. Dando continuidade a este trabalho estão Thomas Richards (EUA) e Mario Biagini (Itália), respectivamente diretor artístico e diretor associado do Workcenter.

Jerzy Grotowski, considerado um dos mais influentes artistas de teatro do século XX, passou por diferentes fases na sua pesquisa. Nos 10 primeiros anos de seu trabalho,Grotowski transformou de maneira radical os conceitos ocidentais de teatro, espectador, ator e pedagogia atoral. Finalmente, no Workcenter, ele desenvolveu a última fase de suas pesquisas, a “Arte como Veículo”, onde, assim como em determinadas tradições antigas, a arte e seu artesanato estão relacionados a um trabalho sobre a interioridade do ser humano, a um “trabalho sobre si”.

SERVIÇO:
CICLO ATO CRIADOR – 5ª edição
“Ato criador: tradição e contemporaneidade” – com Mario Biagini e Tatiana Motta Lima.
Abertura: exibição do filme ‘Action in Aya Irini’. Duração: 1h15 min.
Dia 02 de junho, terça‐feira – Horário: 19h30
Entrada gratuita – retirada de senhas a partir das 19h.
Oi Futuro – R. Dois de Dezembro, 63 – Flamengo, Rio.
O evento conta também com a cobertura via streamming

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s